Com boas linhas de violão e composições que ficam entre o velho e o novo, Chico Teixeira apresenta uma proposta interessante em "Mais Que o Viajante". Seu timbre é assustadoramente semelhante ao seu progenitor, Renato Teixeira. Na bela "Pai e Filho", a segunda faixa do álbum, é possível confundir as vozes. Trata-se de uma versão de pai e filho para "Father and Son", de Cat Stevens. Renato também participa de "Curvelo".

O disco é autoral, com exceção de "Mochileira" (Geraldo Roca), que tem a participação de Dominguinhos, e "Saudade Danada" (Elpideo dos Santos e Osnir Perdigão). Em outros casos, Chico divide a autoria das canções, como é o caso da bela "Sonhos de Aço", resultado de parceria com Gabriel Sater, filho de Almir Sater. É quase como uma comemoração ao destino escolhido por essa segunda geração de violeiros.

 

 

MAIS QUE O VIAJANTE (2011)

R$20.00Preço
  • O envio é realizado às segundas e quintas.

Amora Música e Arte - LTDA, Al. Heliotropos, Mairiporã - SP - CNPJ 09.522.599/0001-06                                           

*Os Produtos da lojinha são enviados às terças e quintas.